Kevin Hart – Noites

Não há nada que eu realmente queira:
As estrelas hoje à noite são profusas e frias
Acima da minha casa que vagamente paira
em uma via logo perdida nas trevas.

Meu prato raso está todo lascado
(o que indica que mudei bastante);
Meu copo está rachado de um lado
(isso mostra que há um rumo para mim).

Minhas mãos – nelas eu repouso minha cabeça.
Meus olhos – neles eu repouso minha mente.
Não há realmente nada que eu precise
Antes de prosseguir por aquela via.

Trad.: Nelson Santander

Nights

There’s nothing that I really want:
The stars tonight are rich and cold
Above my house that vaguely broods
Upon a path soon lost in dark.

My dinner plate is chipped all round
(It tells me that I’ve changed a lot);
My glass is cracked all down one side
(It shows there is a path for me).

My hands — I rest my head on them.
My eyes — I rest my mind on them.
There’s nothing that I really need
Before I set out on that path.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s