Juan Vicente Piqueras – Lázaro se nega a ressuscitar

Um dia ouvi umas vozes que vinham de fora. Finalmente!, pensei, vozes de fora, vozes de outros que levam a luz dentro de si e que a soletram, que vem até mim do ar, e não de mim. Vozes que ao se aproximar eram sussurros. Passos que pararam diante da minha porta. Alguém disse: Aqui … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Lázaro se nega a ressuscitar

Juan Vicente Piqueras – Wuang Shi, pirata aposentado, fala em sua festa de aniversário no hospital de Ching Pei para seus amigos e convidados imaginários

Wuang Shi, pirata aposentado, fala em sua festa de aniversário no hospital de Ching Pei para seus amigos e convidados imaginários           para Rafa Rodríguez Perdeu-se a honra. Como se fosse o tempo, a vida, o rumo ou a paciência perdeu-se a honra. E aqui estamos. Todos sabeis quem sou e não direi meu nome nem … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Wuang Shi, pirata aposentado, fala em sua festa de aniversário no hospital de Ching Pei para seus amigos e convidados imaginários

Juan Vicente Piqueras – Oração do incrédulo

O importante é rezar, não importa a quem, que as perguntas sejam as orações do pensamento, plantem sua semente em nossa solidão, e que não haja paz que, à força de insistir, seja capaz de não existir, não tenha outra opção senão recorrer à voz de quem a chama. Que deus não exista, acaso é … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Oração do incrédulo

Juan Vicente Piqueras – Taças de sede

Se duvidas de tua sede, se não te atreves a questiona-la ou a dar-lhe um nome, se só sabes que buscas uma água que a sacie e não achas senão poços, e neles ecos que te chamam, bebe. Se ao beber a sede desaparece é que era só sede. Segue buscando. Mas se cresce em … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Taças de sede

Juan Vicente Piqueras – Lençóis herdados

A mais íntima ferida é herdada. O onde, o como, o quando, a morte, o nascimento, língua, família, deus, tempo, amor: o decisivo do que nos acontece, e quem somos, não é algo desejado nem escolhido. E passamos a vida, no entanto, ou por isso, crendo que o desejo é nosso deus, e não uma … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Lençóis herdados

Juan Vicente Piqueras – A sala vazia

a Carlos Edmundo de Ory Era um de teus jogos favoritos. O que há em uma sala vazia?, perguntavas. Mantínhamo-nos em silêncio. O que há em uma sala vazia? Os que não conheciam o jogo às vezes diziam: nada, e tu dizias: não. Nada é nada, e eu disse o quê. Até que alguém dizia, … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – A sala vazia

Juan Vicente Piqueras – Em um instante

(Para os amigos que ainda estão vivos,           mas desapareceram, onde quer que estejam,           com um abraço póstumo) As pessoas tendem a desaparecer. Um dia te fazem rir e no seguinte já não estão. Um dia te ligavam todos os dias para saber como estavas, e agora já nem te lembras de suas vozes. Um dia … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Em um instante

Juan Vicente Piqueras – Papoulas

No antigo campo de batalha onde morreram milhares de meninos cresce novamente o trigo, salpicado aqui e ali de ardentes papoulas. E dois amantes, que terão mais ou menos a idade dos soldados que aqui então morreram, hoje fazem amor no semeado. Deitam o trigo. Calcam as papoulas. Trad.: Nelson Santander Amapolas Sobre el antiguo … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Papoulas

Juan Vicente Piqueras – Restaurante, desde 1882

Ristorante dal 1882- leio no cardápio e me ponho a pensar que em uma noite, há mais de um século, uma noite igual a esta, houve um grupo de amigos que aqui jantaram, como nós agora, e riram, conversaram, passaram o sal, mais ou menos felizes, fugazes, satisfeitos por estarem juntos rindo como nós agora, … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – Restaurante, desde 1882

Juan Vicente Piqueras – História universal

Um homem nasce chora cresce ri sofre e faz sofrer caminha canta tem sede fome frio medo se perde transborda arde sorri. Um homem sozinho no meio da noite sorri para domar os monstros que o habitam. Abraça empurra mata beija morre se cansa de si mesmo se apaixona se entrega à vida sabe que … Continue lendo Juan Vicente Piqueras – História universal