Anna Akhmátova – Último Brinde

Bebo ao lar em pedaços, À minha vida feroz, À solidão dos abraços E a ti, num brinde, ergo a voz… Ao lábio que me traiu, Aos mortos que nada veem, Ao mundo, estúpido e vil, A Deus, por não salvar ninguém. Trad.: Rubens Figueiredo Последний тост Я пью за разоренный дом, За злую жизнь … Continue lendo Anna Akhmátova – Último Brinde

Anna Akhmátova – A Mulher de Lot

          A mulher de Lot, que o seguia, olhou           para trás e transformou-se numa estátua de sal.                Gênesis E o homem justo seguiu o enviado de Deus, alto e brilhante, pelas negras montanhas. Mas a angústia falava bem alto à sua mulher: "Ainda não é tarde demais; ainda dá tempo de olhar as rubras torres da … Continue lendo Anna Akhmátova – A Mulher de Lot