Ada Limón – O fim da poesia

Chega de ósseos e pássaro e girassole calçados de neve, bordo e brotos, sâmara e sementes,chega de chiaroscuro, chega de portanto e profeciae estoicos estancieiros e fé e pai nosso e acimade todos, chega de parças e peito*, tez e deusque não esquece e corpos estelares e pássaros congelados,chega de vontade de prosseguir e de … Continue lendo Ada Limón – O fim da poesia