José Fernando Guedes – Adeus meu pai

Continuo a vislumbrar o olhar que meu pai
Me lançou, há tantos anos, lá da janela
De onde morava.
Eu realmente não vi com precisão
Esse derradeiro olhar para mim.

Era mais como um grito para dentro
Que ele lançava. Meu nome talvez.
Me acenou e foi o último acenar seu.

Nessa despedida que eu desconhecia
Não houve amor.
Houve somente meu pai olhando
Até que virei na esquina
E o esqueci.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s