Hannah Sullivan – 3.31 (de “Three Poems”)

O que subsistirá a nós?
Larkin pensava que a resposta poderia ser “amor,”
Mas não conseguiu prova-lo.

“A pasta de rascunhos era o lugar mais interessante.” “Sempre foi você, no final.”
“Ele tentou lhe dizer à sua maneira.”

Curtas cadeias de carbono no pó,
Esta é a resposta prática.
Velhos laptops, marca-passos, parafusos ósseos.
Filamentos de DNA revelando a causa da morte.
E-mails que mandamos e rascunhos que não enviamos.
As coisas que dissemos e as que deveríamos ter dito.

Videos pornô baixados revelam
Inclinações que chocam nossos amigos:
Mordaças de algodão, cordas ferindo as fendas
De colegiais japonesas de vinte e poucos anos.
Mas nada imundo o suficiente para interessar a estranhos.

Antigos amantes cruzam suas pernas, dobram de novo o papel,
Estudam a imagem residual na janela do metrô.
Ninguém se lembra de tudo sobre alguém.

Uma rápida limpada das axila às 6, um toque de perfume,
Dança de meia-calça, duas manchas de sangue.
Um dedo que arranca cabelos rebeldes e prende o elástico.
Neve na segunda semana de dezembro.

Mas como foi sentir aquele cheiro depois,
Em minhas mãos?

Trad.: Nelson Santander

3.31

What will survive of us?
Larkin thought the answer might be “love,”
But couldn’t prove it.

“The drafts folder was the most interesting place.” “It was always you, in the end.”
“He tried to tell you in his own way.”

Short chains of carbon in the dust,
This is the practical answer.
Old laptops, pacemakers, leg pins.
DNA fibres revealing death’s cause.
Emails we sent and drafts we didn’t send.
The things we said and those we should’ve.

Downloaded porn videos reveal
Proclivities that shock our friends:
Cotton gags, string cutting into the clefts
Of twenty-something Japanese schoolgirls.
But nothing filthy enough to interest strangers.

Old lovers cross their legs, refold the paper,
Study the afterimage in the metro window.
No one remembers everything about someone.

A quick armpit wash at 6, a fluster of perfume,
Dancing into tights, two daubs of blood.
A finger pulls vagrant hairs, snags the elastic.
Snow in the second week of December.

But how was it that you smelled afterwards,
On my hands?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s