Eloy Sánchez Rosillo – O segredo

Se por acaso a alegria se assuste
e se apresse em me deixar,
eu a escondo das pessoas e não digo a ninguém
que veio à minha casa depois de muito tempo.
Falo com ela, e com frequência vê-la
de novo tão próxima
me faz chorar, e rio.
Depois a deixo sozinha e vou
para a rua muito sério.
A ninguém direi que veio a minha casa.
Espero que aqui esteja quando eu voltar.

Trad.: Nelson Santander

El secreto

Por si acaso se asusta la alegría
y se apresura a irse,
se la escondo a la gente y no le digo a nadie
que ha llegado a mi casa después de mucho tiempo.
Hablo con ella, y con frecuencia verla
de nuevo tan cercana
me hace llorar, y río.
Después la dejo sola y yo me voy
a la calle muy serio.
A nadie le diré que ha venido a mi casa.
Espero que esté aquí cuando regrese.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s