Joseph Stroud – Perdido

O cervo se distancia de mim e segue tranquilamente
colina acima sem nem mesmo relancear os olhos
para onde estou, de onde começo a cruzar
um campo de neve em meu corpo e me perco
enquanto uma cinza branca despenha do céu encobrindo meus rastros
e não há como encontrar o caminho de volta.

Lost

The deer turns his head away from me and casually
continues along the ridge not even glancing back
to where I stand, to where I begin to walk across
a field of snow inside my body and lose myself
as a white ash drifts from the sky filling my tracks
and there is no way to find my way back.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s