José María Cumbreño – Identidade

Durante anos, a roupa que vesti a herdei de meu irmão mais velho.
Meu nome me deram por causa do meu avô.
O primeiro carro que dirigi era de segunda mão.
A primeira mulher que me beijou já havia beijado outros.
A casa em que vivo é alugada.
Tudo o que escrevo já foi escrito por alguém há muito tempo e muito melhor.
O irmão de minha filha, filho meu não é.
Seu pai age como se não o fosse e quem não é seu pai
se esforça por aprender a sê-lo.

Trad.: Nelson Santander

José María Cumbreño – Identidad

Durante años, la ropa que me he puesto la he heredado de mi hermano mayor.
Mi nombre me lo pusieron por mi abuelo.
El primer coche que conduje era de segunda mano.
La primera mujer que me besó ya había besado a otros.
La casa en la que vivo es de alquiler.
Todo lo que escriba ya lo habrá escrito alguien mucho antes y mucho mejor.
El hermano de mi hija no es hijo mío.
Su padre hace como si no lo fuera y quien no es su padre
se esfuerza por aprender a serlo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s