Louise Glück – Setembro crepuscular

Eu os reuni, eu posso dispensa-los — Estou farto de vocês, caos do mundo dos vivos — Eu só posso me estender por um tempo a uma coisa viva. Convoquei-os para a existência abrindo minha boca, levantando meu dedo mindinho, áster azul cintilante, flor de lírio, imenso, com veios dourados — Vocês vêm e vão; … Continue lendo Louise Glück – Setembro crepuscular