Louise Glück – Matinas (5)

Quer saber como passo o meu tempo? Eu caminho pelo quintal, fingindo estar jardinando. Você deveria saber que eu nunca lavoro, de joelhos, extirpando tufos de trevos dos canteiros de flores: na verdade, eu procuro por coragem, por alguma evidência de que minha vida mudará, ainda que demore uma eternidade, checando em cada moita a … Continue lendo Louise Glück – Matinas (5)