Billy Collins – A respiração

Assim como nos filmes de terror,
quando alguém descobre que as ligações telefônicas
estão vindo de dentro da casa,

eu também percebi
que nossa tenra sobreposição
vem ocorrendo apenas dentro de mim.

Toda esta doçura, o amor e o desejo —
tem sido apenas eu discando para mim mesmo
e seguindo o toque até a outra sala

para não encontrar ninguém na linha,
bem, algumas vezes uma leve respiração,
mas, na maioria das vezes, nada.

E pensar que todo esse tempo —
que incluiria os passeios de barco,
os abraços no aeroporto, e todas as bebidas —

foi apenas eu e os dois telefones,
aquele na parede da cozinha
e a extensão no quarto escuro do andar de cima.

Trad.: Nelson Santander

The Breather

Just as in the horror movies
when someone discovers that the phone calls
are coming from inside the house

so too, I realized
that our tender overlapping
has been taking place only inside me.

All that sweetness, the love and desire —
it’s just been me dialing myself
then following the ringing to another room

to find no one on the line,
well, sometimes a little breathing
but more often than not, nothing.

To think that all this time —
which would include the boat rides,
the airport embraces, and all the drinks —

it’s been only me and the two telephones,
the one on the wall in the kitchen
and the extension in the darkened guest room upstairs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s