Louise Glück – Safra

Entristece-me pensar em vocês no passado —

Olhe para vocês, agarrando-se cegamente à terra
como se fossem os vinhedos do paraíso
enquanto as campinas ardem em chamas à sua volta —

Ah, pequeninos, quão pouco sutis vocês são:
isso é ao mesmo tempo um dom e um tormento.

Se o que vocês temem na morte
é uma punição além desta, não precisam
temer a morte:

quantas vezes devo destruir minha própria criação
para ensinar-lhes
que esta é a sua punição:

com um gesto eu os estabeleci
no tempo e no paraíso.

Trad.: Nelson Santander

Harvest

It grieves me to think of you in the past —

Look at you, blindly clinging to earth
as though it were the vineyards of heaven
while the fields go up in flames around you —

Ah, little ones, how unsubtle you are:
it is at once the gift and the torment.

If what you fear in death
is punishment beyond this, you need not
fear death:

how many times must I destroy my own creation
to teach you
this is your punishment:

with one gesture I established you
in time and in paradise.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s