Juan Vicente Piqueras – Papoulas

No antigo campo de batalha
onde morreram milhares de meninos
cresce novamente o trigo, salpicado
aqui e ali de ardentes papoulas.

E dois amantes, que terão
mais ou menos a idade dos soldados
que aqui então morreram,
hoje fazem amor no semeado.

Deitam o trigo. Calcam as papoulas.

Trad.: Nelson Santander

Amapolas

Sobre el antiguo campo de batalla
donde murieron miles de muchachos
vuelve a crecer el trigo, salpicado
aquí y allá de ardientes amapolas.

Y dos enamorados, que tendrán
más o menos la edad de los soldados
que aquí entonces murieron,
hoy hacen el amor en el sembrado.

Tumban el trigo. Aplastan amapolas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s