Amalia Bautista – Ver o Sol

Era tudo mentira e me convenço
no momento mais inoportuno.
O amor não era amor. Eram os beijos
uma maneira de saciar a sede.
As carícias, o modo de nos guiarmos
no meio da noite. Ouço agora
a voz da tristeza: se pretendes
ver o sol, deves à contraluz
contemplar um ovo semicozido.

Trad.: Nelson Santander

Ver el sol

Era todo mentira y me convenzo
en el momento más inoportuno.
El amor no era amor. Eran los besos
una manera de apagar la sed.
Las caricias, el modo de orientarnos
en medio de la noche. Oigo ahora
la voz de la tristeza: si pretendes
ver el sol, deberías al trasluz
mirar un huevo pasado por agua.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s