Jorge Valdés Díaz-Vélez – Canção de fevereiro

Canção de fevereiro

no peito do céu, palpitando
Jaime Gil de Biedma

Leve e triste, a tarde se retira
contigo até o crepúsculo e as horas
começam a doer nas dobras distantes
do lençol. Subitamente
a noite regressou e é difícil
não pensar em teus efêmeros lábios
ou nas altas regiões do teu corpo
glorificando em telas de algodão.
Agora que não estás, olho para trás
para o raio que divide tuas pestanas
e o arrepio de tuas costas
moldando-me os braços, o sorriso
do teu sexo na vertigem dos lábios,
o instante fluvial de tua alegria.
Ao longe respira o mar, eleva
a superfície suave seu encerramento
sob um relento de líquidos cristais.
A noite sem tua pele cresce mais profundamente
pelas ruas onde asperges a chuva.
Em silêncio te recordo, garota,
com as últimas brasas que se apagam
contra o peito do céu, palpitando.

Trad.: Nelson Santander

Canción de febrero

sobre el pecho del cielo, palpitando
Jaime Gil de Biedma

Leve y triste la tarde se retira
contigo hacia el crepúsculo y las horas
empiezan a doler en los distantes
repliegues de la sábana. De pronto
la noche ha regresado y es difícil
no pensar en tu boca momentánea
o en las altas comarcas de tu cuerpo
en lienzos de algodón en alabanza.
Ahora que no estás, vuelvo a mirar
el rayo que dividen tus pestañas
y el estremecimiento de tu espalda
moldeándome los brazos, la sonrisa
de tu sexo en los vértigos del labio,
el instante fluvial de tu alegría.
A lo lejos respira el mar, asciende
la blanda superficie su clausura
bajo un raso de líquidos cristales.
La noche sin tu piel crece más honda
por las calles donde asperjas la lluvia.
En silencio te recuerdo, muchacha,
con las últimas brasas que se apagan
contra el pecho del cielo, palpitando.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s