Marta Magalhães – Urbanismo

“Há uma esquina onde não me atrevo a passar”
Jorge Luis Borges

Mais um imóvel
onde já nada pode ser
como dantes

assim se arruína
romanesco este país
decomposto de mudança

cai a cidade sitiada
morre na praia
de bandeira branca

verga-se a interjeição
a esse ponto
e vírgula cabisbaixa

o tempo corre
a dobrar
todas as esquinas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s