Mary Oliver – Como é conosco, e como é com eles

Nós nos tornamos religiosos,
depois nos afastamos disso,
depois ficamos carentes e talvez voltemos atrás.
Nos dedicamos a ganhar dinheiro,
depois nos voltamos para a vida moral,
depois pensamos novamente em dinheiro.
Conhecemos pessoas maravilhosas, mas as perdemos
para os nossos negócios.
Estamos, como diz o refrão, por toda parte.
A constância, aparentemente,
tem mais a ver com os cães do que conosco.
Uma das razões pelas quais os amamos tanto.

Trad.: Nelson Santander

How it is With Us, and How it is With Them

We become religious,
then we turn from it,
then we are in need and maybe we turn back.
We turn to making money,
then we turn to the moral life,
then we think about money again.
We meet wonderful people, but lose them
in our busyness.
We’re, as the saying goes, all over the place.
Steadfastness, it seems,
is more about dogs than about us.
One of the reasons we love them so much.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s